As funções do sistema de gestão do motor são desempenhadas por um sistema regulador interativo composto pelo Motronic, pelo conversor catalítico e pelo sensor de oxigénio. Este sistema trabalha eficazmente para reduzir os níveis poluentes nos gases de escape. É usado um conversor catalítico à base de metais que utiliza metais preciosos, tais como paládio e ródio na sua superfície, para purificar os gases de escape.
Estes metais preciosos catalíticos convertem as substâncias perigosas, como o monóxido de carbono, os hidrocarbonetos e os óxidos de nitrogénio em substâncias menos prejudiciais. A chave da eficácia do conversor catalítico é a proporção do ar-combustível no processo de combustão. Uma proporção de 14,7 porções de ar para uma porção de combustível é o ideal.
O sensor de oxigénio mede o teor de oxigénio residual nos gases de escape, fornecendo assim informações necessárias à unidade de comando para ajustar a relação de ar/combustível. Este procedimento garante um nível de gases de escape adequado para uma proteção ambiental a longo prazo.
Um conversor catalítico com o atraente som característico é instalado nos sistemas de gases de escape de alta qualidade. Esta solução torna-o numa excelente escolha, tanto na perspetiva geral como ambiental.
+ Ler mais

Ainda mais tecnologia em pormenor