O circo itinerante.

Aproximem-se para ver os "Sultans of Sprint"

Quando os "Sultans of Sprint" disparam pela reta, as coisas aquecem. O impulsionador Seb "The Lucky Cat" Lorentz reuniu fanáticos por motos da Europa para libertar toneladas de diversão e velocidade. Atenção! Dragsters em voo baixo.

"Sultans, atenção, todos os Sultans!" Um homem com um turbante, túnica e um guarda-sol cor-de-rosa corre, desatinado, entre as motos quitadas. Com gestos frenéticos, tenta apanhar o grupo louco de "Sultans of Sprint" para a reunião informativa de pilotos. Depois de estarem todos – mais ou menos – em frente à roda da fortuna, começa o sorteio para a grelha de partida. Zombie contra yeti, Frankenstein contra Hercules.

Os "Sultans of Sprint" são conhecidos pela fenomenal aceleração e velocidade. Mas são igualmente conhecidos pelas roupas loucas e por atos ridículos, servindo-se da reta como circo. Além do resultado da corrida, são muitos os pontos que se destinam aos designs criativos e ao comportamento de festa. Já para não falar do elemento assustador para a melhor estratégia para pregar um susto. Os chamados "freaks" podem ficar orgulhosos, porque é essa a intenção.

+ Ler mais

Uma classe por direito próprio.

Uma classe por direito próprio.

Seb Lorentz e a esposa Lolo tiveram a ideia de encenar uma comédia na reta. Há alguns, anos, o casal francês fundou a loja de personalização The Lucky Cat Garage em Chartres. Seb participava em corridas de arranque com a sua lendária Sprintbeemer e reparou que não havia categoria adequada para o seu veloz monstro radical. Então, em 2016, criou os "Sultans of Sprint", uma classe para motos com motores bicilíndricos refrigerados por ar com um design criativo e uma dose de estilo. O acolhimento é fantástico. Este ano, são 26 as equipas participantes, incluindo os gigantes do panorama, como Krautmotors, Edelweiss Motorsport, VTR Customs, Kraftstoffschmiede, St-Brooklyn Motorcycles e Bcan Race.

+ Ler mais

Suave morte.

Suave morte.

Este ano, Seb Lorentz deixa a esposa ir primeiro. Lolo participa na corrida com a BMW Bombinette, que montaram juntos na The Lucky Cat Garage. Como o nome insinua, a dragster até pode ser uma bomba, mas muito boazinha. "Vai matar-te, mas de uma forma suave e delicada", explica Lolo, fazendo um sorridente olhar aniquilador. Passa a mostrar os pormenores da sua bizarra boxer BMW, equipada com um foguete no lado esquerdo. "Restauro mobílias antigas douradas. Foi por isso que também pintei a minha Bombinette de dourado – e de azul com flocos metálicos, porque sou mulher. Experimentei muitas cores antes de encontrar as certas."

+ Ler mais

Festeira com estilo.

Festeira com estilo.

No final de contas, a Bombinette também é rápida, algo importante para Lolo. O motor vem de uma BMW de 1978 afinada pela Edelweiss Motorsport. "Em corridas de arranque, trabalho como uma máquina. Estou num túnel de 200 metros." Contudo, é difícil vencer a concorrência, sobretudo sendo a única mulher. Lolo acabou por ficar em quinto lugar da classificação geral após quatro corridas. Também ajudaram os pontos de bónus fora da reta: por cada evento, conquistou o bónus de festeira. Acrescem também 50 pontos extra do prémio Estilo e Engenharia. "Eles não estavam à espera disto. Sou a Bombinette, a mulher do estilo."

+ Ler mais

O circo itinerante.

Monza, Monthléry, Spa, Glemseck – sempre que os Sultans entram numa competição, o grupo inteiro vai com eles. Não importam as distâncias nem as previsões meteorológicas. "Divertimo-nos tanto que ninguém quer ficar de fora", diz Lolo"." Os Sultans sabem combinar criatividade com velocidade, diversão, design e motos tecnicamente sofisticadas. As equipas vêm de França, Itália, Alemanha, Reino Unido, Suíça e Bélgica. "Somos um circo itinerante internacional e andamos de corrida em corrida", afirma Lolo, "somos ciganos. Os ciganos de 1/8 de milha."

+ Ler mais

R nineT

heritage

Saber mais
Mais histórias que poderão interessar-te.