Transformação de ideias visionárias em realidade.

Jovens designers criam novos conceitos.

Com a chegada iminente da G 310 R, a BMW Motorrad tem estado a preparar os seus mercados a nível mundial, desde Milão até ao Japão, para esta nova roadster leve e desportiva. Os alunos do Instituto Europeu de Design (IED), em Itália, já estudaram a apelativa BMW sub-500 cc, no âmbito dos seus projetos finais de curso. Enquanto em Tóquio, um workshop especial de motociclistas femininas produziu estudos igualmente interessantes.

O projeto, inicialmente lançado aos alunos no ano de 2015 pelo Diretor de Marketing da BMW Motorrad Italia, Andrea Ferrari, desafiava os alunos de design, sem bases em design e engenharia automóvel, a personalizar e adaptar a moto compacta, leve e ágil com o intuito de a tornar ainda mais apelativa para motociclistas urbanos. Após um ano de trabalho, as versões finais dos alunos foram reveladas no "Next 100 Festival" em Monza. E agora que estes

alunos concluíram o curso, foi passado o testemunho a um novo conjunto de alunos, para tornarem as inspirações realidade, utilizando as instalações de classe mundial do IED. "O objetivo da BMW Itália é continuar esta parceria ao longo do ano académico de 2016/17. Pretendemos transportar algumas das características dos protótipos para uma fase mais concreta, mergulhando em alguns aspetos específicos de cada mota e transformando o conceito de uma «G 310 R by IED» numa realidade", afirma Ferrari.

+ Ler mais

Segura e prática.

Inspirados pelos conceitos dos antigos alunos, os alunos deste ano começarão a desenvolvê-los, tornando-os seus. De seguida, após cerca de três meses, decorrerá uma análise inicial por parte da BMW Motorrad Italia e dos professores do IED, durante a qual serão escolhidas as "melhores" ideias. Nesta fase, os alunos começarão a colaborar como uma equipa, trabalhando nos conceitos

que foram considerados os melhores, com o intuito de, em última instância, construírem um protótipo funcional. Os alunos conduziram um estudo aprofundado, incluindo entrevistas com motociclistas à sua escolha, para entenderem os seus requisitos, tendo a segurança e a praticidade ganho prioridade face à potência e ao desempenho.

+ Ler mais

QUATRO CONCEITOS, QUATRO PÚBLICOS

Projeto "BMW Savannah"

Poder feminino.

O "Projeto BMW Savannah" é uma moto especificamente concebida para mulheres, que poderão preferir uma mota mais leve, como a BMW G 310 R, em vez de uma mota grande e pesada. Uma das características centrais de design da mota do projeto é uma luz de LED envolvente de 360° para aumentar a visibilidade do motociclista, combatendo uma das causas mais comuns de acidentes de motociclos na estrada. Também foi criada uma solução engenhosa para monitorização do ângulo morto,

com feedback háptico (essencialmente pequenos toques) nos joelhos do motociclista, no local onde ficam apoiados contra o depósito, como aviso de veículos na lateral. Além disso, a equipa abordou o sistema Keyless Ride já existente da BMW Motorrad e substituiu a chave por uma pulseira que o condutor poderá usar. O toque final foi uma pega em couro no depósito para deslocar a mota facilmente e em segurança.

+ Ler mais

Arte e guarda-lamas.

Arte e guarda-lamas.

Como sempre no motociclismo moderno, a personalização foi uma temática abordada pelo trabalho de várias equipas. O "Projeto Morpheus" tinha como objetivo melhorar o processo de configuração, com múltiplos painéis de carenagem estilo puzzle que podem ser adicionados ou removidos para criar um leque de diferentes opções para o motociclista. Também existe a possibilidade de carregar gráficos personalizados através de um configurador online. A "BMW G 310 Misto" confere um caráter mais funcional à personalização para os utilizadores do dia a dia que pretendem algo diferente para o fim de semana e cria uma mota tanto para estrada, quanto para todo-o-terreno.

+ Ler mais

Isto é possibilitado por componentes intercambiáveis, como um guarda-lamas maior e o acondicionamento único de cada componente permite o armazenamento do acessório, quando este não está a ser utilizado, suspenso na parede "criando um objeto de arte". A ferramenta especial que vem embalada com o produto garante uma instalação fácil.  A "BMW Plus+" continua a temática da moto de finalidade dupla. O seu vidro defletor pode ser articulado para baixo, repousando em frente ao farol, quando não está a ser utilizado, apontando para um utilizador que tem a necessidade de fazer curtos trajetos em autoestrada, mas oferecendo também uma brisa refrescante durante o abafado trânsito citadino.

+ Ler mais

Desportiva e angular para jovens motociclistas.

Desportiva e angular para jovens motociclistas.

As principais características das motos BMW 310 Street Race e Supermoto são a ausência de um velocímetro tradicional. O smartphone do condutor assume este papel e, através da aplicação específica, o utilizador pode personalizar as definições da moto e ativar câmaras ocultas pré-instaladas por toda a moto, podendo ser utilizadas como uma funcionalidade de segurança, de modo idêntico a uma câmara de tablier, mas mais provavelmente para gravar a sua perícia a serpentear no trânsito citadino! Ambas as motos foram alteradas para terem um aspeto mais desportivo e angular e destinam-se a outro dos públicos-alvo da G 310 R:

+ Ler mais

jovens formados e no seu primeiro emprego; embora o design original da roadster moderna da BMW já faça referência às suas irmãs mais velhas, a BMW S 1000 R e a R 1200 R. Visto que a BMW G 310 R se encaixa na categoria A2 da carta de condução de motociclos europeia, a mesma que a das lambretas que muitos italianos (jovens e velhos) utilizam para se deslocarem nas suas cidades, a BMW Motorrad encara esta mota leve e ágil como uma oportunidade para converter condutores entediados com o que Ferrari descreve como "a experiência de condução aborrecida que uma Scooter proporciona" e colocá-los numa mota ágil e dinâmica – tudo isto sem a necessidade de alterarem as suas cartas de condução. 

+ Ler mais

A caminho da etapa final.

Projeto "Morpheus"

A caminho da etapa final.

A análise de três meses do trabalho atual dos alunos irá ter lugar próximo do final do ano e, assim que tiverem sido escolhidas as melhores características de protótipo, os alunos terão até junho de 2017 para desenvolver e apresentar os seus conceitos, não só a tempo da conclusão do seu curso, mas também para o festival BMW Motorrad Days do próximo ano, em Garmisch-Partenkirchen, onde os alunos irão apresentar o seu trabalho à maior concentração de fãs da BMW Motorrad do mundo para concluir a etapa final da parceria.

+ Ler mais

A ALEMANHA UNE-SE AO JAPÃO

Quando os alunos do IED em Milão apresentaram as suas ideias de design num conceito G 310 R, foi-nos dado um vislumbre daquilo que a geração Y urbana pretende de um motociclo. A milhares de quilómetros de distância, um grupo de jornalistas japoneses, clientes da BMW, funcionários de concessionários e alunos de design reuniram-se num workshop para mulheres, com o objetivo de descobrir qual seria a mota BMW ideal para as mulheres japonesas.

O workshop encarregou os participantes de reunir ideias acerca de como uma G 310 R poderia ser idealmente personalizada para mulheres, estando uma designer presente para visualizar as suas ideias, sendo um dos designs pré-selecionados escolhido para ser construído numa data posterior. Para inspiração, foram colocadas em exibição as quatro famosas BMW R nineT japonesas personalizadas por Shiro Nakajima, Hideya Togashi, Go Takamine e Kaichiroh Kurosu.

+ Ler mais

Praticidade com estilo.

O primeiro projeto de personalização da G 310 R é conhecido como "Sporty Scambler". Este possui meia carenagem, pneus cardados, guiadores ajustáveis, espelhos que podem ser recolhidos e proteções do motor integradas. O segundo design é inspirado numa Streetfighter. Com um esquema de cores moderno, banco monolugar e punhos a combinar, escape duplo, descanso central e guiadores ajustáveis, o seu tema dominante é praticidade com estilo. O terceiro projeto de personalização da G 310 R é conhecido como "City Café Racer Style". Com um depósito em forma de lágrima, alforges de banco e alforges tipo "bagger", o seu estilo retro, opções de variação de cores e capacete a combinar tornaram-no a opção mais popular para desenvolvimento.

O design já foi, entretanto, enviado para um designer conceptual para ser desenvolvido e poderá um dia ser fabricado por um personalizador selecionado. "Foi um workshop de projeto de personalização muito interessante em que nos envolvemos e prova, sem sombra de dúvida, que as nossas motociclistas femininas gostam mesmo das suas motos e adoram a ideia da possibilidade de personalizá-las", afirma a Diretora de Comunicação de Marca da BMW Motorrad, Sandra Ehm, que viajou de Munique para o Japão especificamente para participar no workshop.

+ Ler mais
Outras histórias, que te poderão interessar.
Motos adequadas.
spinner