A G 310 GS na versão “Edition 40 Years GS”

Prazer de condução com um visual lendário

Há 40 anos que a BMW GS combina versatilidade e aventura sem limites. Este ano, festejamos esse feito com a G 310 GS “Edition 40 Years GS”. Com o visual preto e amarelo da lendária R 100 GS, a história GS ganha novamente vida: com espontaneidade, descontração e equipada com a flyline GS típica. Graças ao Ride by Wire, a moto leva-te sem dificuldade por toda a cidade e mais além. Com ela podes avançar facilmente, experienciando puro prazer de condução a partir do primeiro movimento no punho do acelerador e sentindo, em cada quilómetro, o #SpiritOfGS.

DESTAQUES DA EDIÇÃO “40 YEARS GS”

Design exclusivo para o aniversário: inspirada na R 100 GS, apelidada como “Abelhão”, a combinação das cores preto e amarelo cria um modelo muito apelativo. Os elementos de design marcantes transformam a estética lendária num modelo realmente apelativo, que deixa a moto brilhar debaixo dos mais de 40 anos de história da GS.

+ Ler mais
Inscrição 40 Anos GS em amarelo marcante
Vemos o autocolante GS “40 anos” em amarelo no selim.
Braço oscilante, cárter de corrente e poisa-pés em preto
Vemos uma vista lateral do braço oscilante, do cárter de corrente e do poisa-pés da G 310 GS.
Flyline GS típica com visual em preto e amarelo
Vemos uma vista lateral da frente com destaque para a pintura em preto e amarelo.
Guiador e depósito em preto
Vemos o depósito e o guiador da G 310 GS numa vista detalhada oblíqua, de cima.
Para-brisas preto
Vemos uma vista lateral da frente da G 310 GS com destaque para o para-brisas matizado em preto.
Bloco do motor em preto
Vemos o bloco do motor integralmente em preto com a inscrição G 310.
Tapes em amarelo marcante
Vemos a inscrição GS e o Tapedesign no depósito em preto.
Jantes em preto
Vemos um detalhe das jantes pretas da G 310 GS.

A G 310 GS: sempre uma boa base

Por fora, “Edition 40 Years GS”, por dentro uma G 310 GS genuína: com as suas funcionalidades técnicas modernas e ergonomia GS cómoda, esta moto leva-te com descontração até qualquer destino. As manetes da embraiagem e do travão ajustáveis adaptam-se agora ainda melhor às tuas necessidades individuais. Fica a saber tudo sobre os diversificados recursos e as variantes da G 310 GS.

+ Ler mais

40 ANOS A CONDUZIR A AVENTURA

De África à Ásia Central: a GS esteve em todos os pontos do mundo em 40 anos. Uma moto que dominou todos os terrenos e todas as estradas – potente e arrojada, indiferente aos elementos. A GS é a pioneira das motos dual-sport.

+ Ler mais
1980
Lançamento do primeiro modelo GS, a R 80 G/S
6
Gerações GS com diversas variantes de modelo
40
Anos de experiências únicas com a lenda GS
1.2
Mais de 1,2 milhões de modelos GS construídos até agora

A GS tem as suas raízes nas competições de rally e isso está bem evidente quando olhas para esta moto. Os primeiros protótipos saem vitoriosos em provas de todo-o-terreno e a moto começa a ser comercializada em 1980, como R 80 G/S. Torna-se a primeira moto dual-sport de grande cilindrada no mundo. Durante mais de 40 anos, esta moto tem continuado a percorrer locais onde as outras motos não chegam. Não existe obstáculo que seja capaz de a fazer parar.

+ Ler mais
Da competição em todo-o-terreno para a estrada

1978 a 1980:

Em 1978, a BMW Motorrad chamou a atenção com a antecessora da primeira GS: a GS 80 conquista duas medalhas de ouro na mítica prova International Six Days Enduro. A moto tinha sido desenvolvida por uma equipa interna de técnicos sem autorização oficial. Mas o sucesso provou que os engenheiros e mecânicos estavam no caminho certo: a moto tinha uma condução realmente agradável em todo-o-terreno, bem como em estrada. Foi comercializada em 1980 sob um nome ligeiramente diferente: BMW R 80 G/S.

Começa a ascensão

1980 a 1987:

Com a GS, a BMW Motorrad criou a simbiose perfeita de condução em todo-o-terreno e em estrada: em qualquer piso e em qualquer situação, os pilotos tinham sempre o controlo da moto, beneficiando também de máximo conforto nos trajetos mais longos. O destaque recai sobre o monobraço oscilante, que é instalado pela primeira vez numa moto. Esta solução reduz o peso e permite substituir a roda mais depressa. Com a R 80 G/S, a BMW Motorrad criou o segmento das motos dual-sport confortáveis e de grande cilindrada, um segmento que ainda hoje continua a dominar.

A GS ganha força: mais cilindrada, mais potência

1987 a 1996:

O novo modelo de topo, a R 100 GS, destaca-se pela grande cilindrada: é a Enduro mais potente e mais rápida do mercado. O braço oscilante Paralever no eixo traseiro garante uma excelente maneabilidade em todo-o-terreno e estrada. Com a sua impressionante pintura em preto e amarelo, fica conhecida como o “Abelhão”. Atualmente, esta cor é muito popular entre os fãs e serve de base à decoração dos modelos de edição especial “40 Years GS”.

Um novo capítulo nas motos dual-sport

1994 a 2003:

A GS está a caminho de se transformar num ícone, à medida que evolui constantemente: em 1994, é apresentada a primeira Enduro com um motor Boxer de quatro válvulas, com a R 1100 GS. A moto é popular pelo seu desempenho em todo-o-terreno e pela excelente prestação nas viagens mais longas. Em 1999, a R 1150 GS segue o seu trilho. Este conceito é intencionalmente desenvolvido, no sentido de melhorar a sua capacidade Touring e, em 2002, fica ainda mais adaptada às necessidades dos viajantes de longas distâncias com a R 1150 GS Adventure, que marca o nascimento da série Adventure.

De monocilíndrica a bicilíndrica

2000 a 2008:

Os modelos “Funduro”, muito populares e apreciados pelos motociclistas menos experientes, as F 650 e F 650 ST, entram no novo milénio com motores renovados. Graças à unidade monocilíndrica de refrigeração líquida, os motociclistas das F 650 GS e F 650 GS Dakar têm potência suficiente para as suas deslocações diárias e para garantirem as sensações típicas de uma Enduro. Em 2008, as F 650 GS e F 800 GS, são apresentadas como modelos Enduro totalmente redesenhados, recorrendo agora a um motor bicilíndrico em linha de refrigeração líquida. Isto representa pura aventura, mesmo no segmento de média cilindrada.

Do motor Boxer refrigerado por ar para o motor de refrigeração líquida

2004 a 2017:

Em 2004, a BMW Motorrad renova a R 1200 GS. A moto aumenta a cilindrada, a potência e o binário, ganhando ainda mais dinamismo em qualquer terreno, com a redução do seu peso nuns expressivos 30 kg. Quase dez anos depois começa uma nova era, quando os engenheiros da BMW Motorrad equipam a R 1200 GS com um motor Boxer de refrigeração líquida. Algo que nunca tinha sido realizado antes. A moto apresenta também uma suspensão semiativa com o Dynamic ESA (ajuste eletrónico da suspensão), que eleva a maneabilidade e o conforto de condução para outro nível.

A GS torna-se ainda mais forte

Nos anos seguintes, a BMW Motorrad continuou a construir a lenda GS. A popular R 1250 GS surge com um motor Boxer renovado: graças ao sistema variável de transmissão BMW ShiftCam, disponibiliza mais potência em todas as faixas de rotação e torna a GS ainda mais eficiente. Além disso, os modelos da gama média, a F 750 GS e F 850 GS são constantemente desenvolvidas para tornar a sua condução mais agradável, graças ao incremento da cilindrada e alteração da ciclística.

3 anos de garantia.

Conduz sem nunca parar. Oferecemos agora mais um ano.  

Agora são 3 anos de garantia para todas as motos.

#spiritofgs

Durante mais de 40 anos, o #SpiritofGS tem conseguido unir motociclistas e esta comunidade tem partilhado este espírito pelo mundo. Começa por conduzir, viver novas aventuras e explorar o desconhecido – juntos iremos escrever sempre novas histórias. Inspira-te na comunidade GS para viveres novas experiências. Vive o #SpiritofGS.

+ Ler mais

Vive a aventura da comunidade GS

Entra numa entusiasmante aventura GS com a nossa nova série “Adventures of a Lifetime”.

+ Ler mais

MAIS SOBRE O #SPIRITOFGS

spinner