International GS Trophy 2024

Damos as boas-vindas à Namíbia

Está definido o local onde irá decorrer o International GS Trophy 2024: esta aventura todo-o-terreno vai levar-nos até à Namíbia. Agora que o International GS Trophy já percorreu todos os continentes do mundo, regressa ao local onde tudo começou: África. A Namíbia impressiona pelas suas belíssimas paisagens, os denominados Cinco Grandes e muitas outras espécies animais. Os dias quentes terminam um pôr do sol carmesim. Quando cai a noite, o fascínio continua com um céu estrelado deslumbrante. A viagem à Namíbia será uma experiência única com muito #SpiritOfGS. Mal podemos esperar!

Uma experiência única

Escusado será dizer que as rotas exatas do International GS Trophy 2024 vão continuar no mais absoluto secretismo até ao arranque do evento. Contudo, poderemos fazer já uma promessa: será uma experiência inesquecível onde os participantes poderão demonstrar a demonstrar a sua perícia de condução e os seus conhecimentos em desafios exigentes. 

O segredo está na perícia e no espírito de equipa. Para além de muitos trilhos de areia, as rotas vão levar-nos pelas montanhas da Namíbia, pelo que será necessário enfrentar alguns trilhos rochosos. Mesmo para pilotos Enduro experientes, a Namíbia será uma aventura única na sua vida que ficará gravada na memória.

Follow The Trails na Namíbia

O destino do International GS Trophy 2024 já está decidido, mas as rotas exatas ainda continuam em segredo. No entanto, deves começar já a planear a tua viagem para Windhoek, porque assim que o international GS Trophy 2024 terminar, a Enduropark Andalusia vai começar a sua viagem pelos trilhos da Namíbia. Vais encontrar trilhos fantásticos que atravessam desfiladeiros selvagens, leitos de rios e o deserto, para além de uma grande variedade de paisagens. Esta edição de Follow the Trails será uma aventura todo-o-terreno épica. Então, do que estás à espera? A aventura chama por ti.

Saber mais external-link-arrow-slim

Int. GS Trophy 2022

A nossa Equipa Internacional

Há muito tempo que se preparavam e treinaram muito para este evento. E valeu a pena. Apresentamos a nossa Equipa Internacional! Estes cinco talentosos motociclistas superaram a concorrência com uma perícia impressionante durante a ronda de qualificação internacional no BMW Motorrad Days. Para Dmytro, Martin e Michał isto significa uma entrada direta no International GS Trophy 2024. Até lá, os três motociclistas ainda têm muito tempo para comemorar e também para continuar a sua preparação para este evento único na Namíbia, em 2024. Vamos conhecê-los um pouco melhor.

+ Ler mais

Martin Ulreich

Já participou três vezes numa qualificação para o International GS Trophy, finalmente conseguiu o seu objetivo e agora, Martin Ulreich quer dar o seu máximo. Este engenheiro mecatrónico de 40 anos, vive com a sua família em Aschau, na Áustria. Para Martin, as motos são mais do que apenas uma parte da sua vida profissional. Nos seus tempos livres, adora conduzir a sua moto pela natureza e praticar todo-o-terreno. 

Dmytro Ivanov

Dmytro Ivanov tem 42 anos e vive na Ucrânia onde é diretor de uma empresa. Começou a andar de moto há cerca de sete anos e comprou a sua primeira GS há três anos. Dmytro descreve-se como um “homem feliz” que está sempre à procura da aventura seguinte.

Michal Wantola

Por vezes, não somos nós que encontramos a nossa paixão, é ela que nos encontra. Foi isso que aconteceu com Michał Wantoła. Quando viu, pela primeira vez, o ícone Chriss Birth a conduzir uma moto, ficou tão fascinado que começou a andar de moto. Há quatro anos, este polaco de 42 anos, tornou-se um entusiástico motociclista de uma GS.

As vencedoras da classificação feminina

Malgorzata e Anna também provaram o seu valor em Berlim. Agora vão ter de enfrentar as outras equipas femininas na Ronda Internacional de Qualificação Feminina, em Espanha, para conseguirem os seus bilhetes para África. Vamos ficar a torcer por elas e esperar, naturalmente, reencontrar estas duas guerreiras na Namíbia.

+ Ler mais

Malgorzata Jakubiak

Malgorzata Jakubiak, de 41 anos, sempre gostou de viajar de moto. “Herdou” do seu pai a paixão pelas duas rodas e há 10 anos tirou a carta de condução de moto. Quando não está a conduzir a sua GS, a advogada polaca gosta de fazer caminhadas nas montanhas ou de dançar.

Anna Janková

Nos seus tempos livres, Anna Janková, de 31 anos, gosta de estar em contacto com a natureza, seja a praticar equitação, a correr ou a conduzir a sua moto. Já experimentou diferentes motos, mas, na sua opinião, a melhor moto para todo-o-terreno continua a ser a BMW R 1250 GS.

spinner